Clique e conheça nossos apoiadores:

Logo aceleralab.png
Cepheid-logo-horizontal.png
SBAC.png
logo.png
whatsapp.png

Receba nossas atualizações por Whatsapp! Gratuito, relevante e aplicável.

Identificando a Necessidade de Treinamento dos Colaboradores





O treinamento dos colaboradores é fundamental para que a equipe do laboratório tenha excelência nas suas atividades. Na pauta de hoje, trazemos para discussão alguns dos motivos que geram a necessidade de treinamento no laboratório.



Novas Regulamentações


As novas regulamentações geralmente são introduzidas nos laboratórios para aumentar a segurança dos processos, e para assegurar a qualidade do diagnóstico. Por isso, sempre que surge uma nova regra a ser seguida, é importante que os processos do laboratório passem por um pente fino, à procura de pontos que não estejam em conformidade.


Uma das regulamentações mais recentes, e que tem tirado o sono de muitos gestores é a Lei Geral de Proteção de Dados, que já foi abordada algumas vezes no blog, como nessa matéria aqui. Essa lei, exige que estejam protegidos todos os dados sensíveis de pacientes, para que essas informações não fiquem expostas sem necessidade e o consentimento dos mesmos. Com isso, é preciso redobrar a atenção da recepção, por exemplo, ao disponibilizar resultados por meios digitais.



Avanços Tecnológicos e Científicos


Para um laboratório se manter competitivo, é preciso se atentar às mudanças tecnológicas e às atualizações científicas mundiais. Os congressos costumam ser uma ótima fonte de conhecimento para os profissionais da área, seja pelas palestras técnicas apresentadas como as oportunidades de negócio da feira de exposição. Com a confirmação do adiamento do 47º CBAC, restam as alternativas digitais para este ano.


O SBAC Digital, por exemplo, conta com palestras mensais de grandes personalidades da área da saúde e é uma ótima oportunidade de atualização sobre os grandes assuntos do momento. Somente este ano, já foram contemplados assuntos como genética molecular, exames auxiliares ao diagnóstico do novo coronavírus, e infecções oportunistas associadas à doença.



Corrigir Processos Falhos


Equívocos frequentes na rotina, clientes insatisfeitos, retrabalhos e aumento repentino de custos são exemplos que podem indicar que o laboratório está com um ou mais processos falhos. Nesse caso, o gestor deve acompanhar através de indicadores a rotina de perto, a fim de identificar se o problema é no fluxo do processo em si, ou se pode ser a falta de algum tipo de treinamento para um colaborador específico. Em alguns casos, existe a possibilidade de que o funcionário não tenha absorvido adequadamente a tarefa a ser desempenhada, e é bom realizar um reforço nos procedimento operacional padrão.



Novos Golpes e Fraudes no Mercado


A tecnologia por vezes abre brechas para novos golpes e fraudes, e dentro do laboratório não seria diferente. Os dois últimos golpes que repercutiram em estabelecimentos são os de clonagem de whatsapp, onde os estelionatários pedem dinheiro a pacientes em nome do laboratório, e os golpes de fraude no pagamento, seja por pix, débito ou outros meios.


Para que o seu laboratório não seja vítima de golpes desse tipo, é preciso fazer alguns treinamentos para reduzir as chances de que isto ocorra.



Manutenção do Conhecimento no Laboratório


Mesmo que um funcionário desempenhe rotineiramente uma tarefa, isso não significa que o gestor não deva aplicar algum tipo de treinamento para a função. Na verdade, o treinamento periódico eleva o patamar de atendimento do laboratório, reduz erros e mantém a equipe próxima da gestão. Esse tipo de treinamento também forma bons “backups de conhecimento” das funções do laboratório, como os casos onde é preciso substituir um colaborador ausente, ou que pediu demissão.


Os treinamentos possuem inúmeras finalidades, tais como manter o padrão mínimo de qualidade de atendimento do laboratório, refrescar o conhecimento de funcionários mais antigos, auxiliar no desenvolvimento de novas habilidades para que os colaboradores possam crescer profissionalmente e garantir que os processos estejam sempre alinhados com as melhores práticas do mercado.


Portanto, você não precisa esperar um motivo específico ou catastrófico para treinar seus colaboradores.